Ninna Letícia





Ela é mesmo mto linda ;)
E eu a amo!
beijos princesa

Janaina de Oliveira

Tempo Perdido (parte 2)

As aulas de piano estão me enchendo, todas aquelas notas sombrias, misturadas com aquelas doces e finas, elas ficam indo e vindo na minha cabeça.Não consigo nem mais olhar direito pra essa coisa gigante no meio da minha sala. Não era pra ser terapêutico? Depois de um tempo tudo vira comércio mesmo. Vou voltar a deitar no chão do quarto, mas só no domingo, e vou ouvir alguma coisa diferente. Os sinais estão custando a vir, e o final não deve estar muito longe, então preciso me apressar, senão o tempo não dá. E ainda tem o fim daquele livro que mexeu comigo, talvez eu devesse pensar em ter filhos. É sempre o tempo, sempre ele.


Janaina de Oliveira

Tempo perdido

Noite de domingo, acendo um incenso, deito no chão, as costas doem por conta do esforço físico exercido a tão pouco tempo. Ouço uma leve sinfonia, a cabeça ainda dói embriagada da noite anterior. O que vai ser amanhã? Um dia normal? Segunda feira chata de final do mês, está tudo uma loucura, mas pra que pensar nisso agora? Por que não pensar no momento passado, tão próximo. Ele já foi. E eu estou aqui, olhando pro teto branco, estou aqui me perguntando por que não estou lá fora, porque não estou longe, por que não choro nem sorrio. Por que não compro um piano? Isso! Um piano seria mesmo muito bom...


Janaina de Oliveira